Geral

Itabirito: prefeito Alex Salvador fala sobre a polêmica envolvendo vereador e secretário de Transportes

Declaração foi feita na última reunião da Câmara Municipal; prefeito falou o que pensa sobre o assunto.

Em resposta ao que o vereador Renê Butekus (PSDB), líder da situação, disse na última reunião da Câmara Municipal, realizada na segunda-feira (06), apontando o secretário de Transportes, Maurício Miranda, conhecido como “Bolão”, como o responsável pela paralisação na prestação do serviço do transporte escolar municipal e intermunicipal da cidade, o prefeito de Itabirito, Alex Salvador (PSD), conversou com o Sou Notícia para esclarecer o assunto. A reportagem tentou contato com Bolão, mas não obteve retorno. Entre outras afirmações, o vereador afirmou que Bolão não possui educação para lidar com as outras pessoas e que se ele não consegue ocupar o cargo, com os compromissos que lhe cabe, deveria pedir demissão.

“O mais importante disso tudo é que já está resolvido. Eu prometi uma semana pra resolver e resolvemos com um dia. Isso é o mais importante. E não é sob pressão, porque eu não trabalho sob pressão. É porque tinha que resolver, eu tinha assumido que infelizmente houve um erro da prefeitura nisso. Quando eu falo erro da prefeitura estou me referindo à prefeitura e não ao secretário Bolão. Eu me incluo nisso também. Então não tem essa coisa de falar que o Bolão é o responsável. Se nós temos algum problema, como outros vereadores de situação têm, com algum secretário, isso é normal. Divergências existem em todo lugar, seja na fala, no atendimento, e como a pressão é muito grande em cima dos vereadores, às vezes eles ficam chateados com algumas coisas. Mas nada além disso”, iniciou o prefeito.

“A fala do Renê cabe a ele ter consciência do que ele falou. Eu particularmente não concordo. Os problemas pessoas que ele falou é problema pessoal. Ele com o Bolão, desde quando o Bolão assumiu a secretaria. Em relação à competência do Bolão, é indiscutível. Ele é muito bom de serviço. Com tão pouco dinheiro; com tantos problemas que nós enfrentamos, ele ainda conseguiu resolver isso tudo. Resolveu muito bem resolvido. Claramente, cristalinamente e transparentemente, como tudo na prefeitura. E não adianta discutir falando que não é não, porque aqui é tudo muito claro. Não vamos entrar em detalhes, mesmo porque se tratando de Justiça, eu não vou entrar em detalhes por enquanto. Mas é tudo muito claro. Alguém que tiver alguma dúvida sobre a secretaria de Transportes ou qualquer outra coisa, as portas da prefeitura estão abertas. E o Bolão, que assumiu a secretaria de Transportes exatamente pra tirar um pouco de serviço da secretaria de Educação, é muito bom de serviço, competente, deu conta e, acima de tudo, economiza muito pra prefeitura”, acrescentou.

Sobre a possibilidade do secretário de Transportes pedir exoneração, como foi recomendado por Renê, ou ser demitido, o prefeito afirmou que isso não acontecerá por intermédio da opinião do vereador: “o Renê é meu amigo, gosto dele, ele conhece tudo, detalhadamente, sobre o governo, mas isso aí partiu pra uma questão pessoal. Eu não posso deixar as questões pessoais se misturarem com as questões do nosso governo”, considerou.  “Se o Bolão um dia quiser sair do cargo, o que eu não quero que aconteça, não será por pressão ou vontade de outra pessoa. Se ele quiser sair por vontade própria, como já aconteceu com outros funcionários que pediram demissão, aí eu não posso fazer nada. Ele já vem reclamando há um tempo sobre problema de saúde, porque não é fácil a secretaria de Transportes. Lá é o pulmão da prefeitura. Tudo depende de transporte. Tem erros? Tem. Como em qualquer outra secretaria. Mas está indo muito bem. Se ele pedir demissão eu vou insistir muito pra que ele fique e espero que ele continue até o final do nosso governo”, afirmou o prefeito.

Outra questão levantada foi a forma com a qual o secretário de Transportes supostamente trataria as outras pessoas, quando Renê afirmou que ele não possui educação. “Eu entendo. Ele não está hostilizando ninguém. Mas, pelo jeito dele e pelas atribuições que ele tem na secretaria, às vezes ele trata assim…talvez poderia ser um pouco mais carinhoso e dar um pouco mais de atenção. Mas nada que prejudique. Mesmo porque os vereadores de situação possuem a prerrogativa de ser atendidos todo dia por mim. Todos são meus amigos, ao contrário dos vereadores de oposição, que só prejudicam o governo, dia e noite”, considerou Alex.

Para finalizar, o prefeito falou sobre a situação do transporte escolar municipal, que ainda se encontra paralisado: “Acabamos de assinar o contrato hoje. Corremos muito, trabalhamos muito, debruçamos em cima do processo e esse problema de transporte urbano não é culpa do município, definitivamente. Isso foi uma ordem judicial e tivemos que cumprir. Uma cooperativa se prontificou a atender o serviço enquanto não houver outra licitação, que pode durar 30, 60 ou 90 dias. É um contrato emergencial e nós temos que cumprir. Acredito eu que poderia ser até amanhã. Mas acho que até segunda-feira vai ser funcionando normalmente. Se você me perguntar qual a chance, de 0 a 10, do transporte escolar municipal estar funcionando na segunda-feira, eu diria que é 9”, concluiu.

Tags

Jornalismo - Sou Notícia

Entre em contato com a equipe de jornalismo do portal Sou Notícia: jornalismo@sounoticia.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *