Comportamento

Cadastramento escolar: ferramenta importante para o pleno funcionamento do ensino público

Audiência Pública relembrou a necessidade do cadastro para o ensino regular público, educação infantil, EJA e transporte escolar.

A Prefeitura de Itabirito realizou, no dia 7 de junho, uma audiência pública com intuito de esclarecer à população sobre a importância do cadastramento escolar. Realizado na Câmara Municipal, o evento reuniu comunidade acadêmica e autoridades, como a secretária de Educação Ana Góis, a promotora Vanessa Campolina Rebello Horta e a superintendente regional de ensino de Ouro Preto, Crovymara Batalha.

Como é realizado o cadastro escolar?

O cadastramento escolar é uma importante ferramenta que auxilia a gestão a cuidar da logística do ano seguinte, como número de alunos e vagas e, também, analisar a viabilidade do transporte para as escolas municipais e estaduais. O cadastro é obrigatório para os alunos que irão cursar o 1º ano fundamental (é preciso ter 6 anos completos até o dia 30 de junho de 2019), para alunos de outras localidades ou para aqueles que desejam ingressar no EJA – Educação de Jovens e Adultos, e retornar os estudos.

O cadastro é online e deve ser realizado pelo site oficial www.educacao.mg.gov.br. Entretanto, pais e responsáveis que não possuem acesso à internet podem realizar o cadastro em pontos de apoio disponibilizados pela Prefeitura: Centro de Referência Educação Infantil (Rua Anita Sans), Centro de Referência Escolas Rurais (bairro Praia), Cmei (Polo do Sesi), Centro Educacional Municipal de Itabirito (Cemi, no Poliesportivo do bairro Santa Rita) e Escola Municipal Manoel Salvador de Oliveira (São José). O cadastro para a Educação Infantil (1º e 2º período) também está aberto e deve ser realizado pelos pais ou responsáveis de forma física, no pontos de apoio, até o dia 22 de junho, de 13h às 17h.

Para a secretária de Educação, Ana Góis, o período é de extrema importância para a otimização do funcionamento das escolas municipais e estaduais. “O cadastramento escolar permite uma organização e levantamento do número de alunos que serão recebidos nas escolas públicas de forma eficaz. De acordo com o zoneamento, a gestão planeja o fluxo escolar, o transporte público e a capacidade física das escolas. Assim, o município se organiza e prepara a rede pública de ensino para a demanda de alunos do próximo ano, para receber todos da melhor forma possível”.

“Esta audiência vem lembrar aos pais e responsáveis a importância da organização, da realização do cadastro e da matrícula escolar nas datas corretas. Todo aluno tem direito à educação e a estudar mais perto de casa, de preferência. Por isso, essa etapa é fundamental e necessita da participação dos pais para que dê certo”, acrescentou a promotora. As informações são da Semco/PMI. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
×