Geral

Paróquia de São Sebastião promove o 1º Louvor do EAC neste sábado

Encontro terá shows do Ministério Arca e do Ministério Colo de Deus.

No próximo sábado (4) será realizado o 1º Louvor do EAC com o Ministério Colo de Deus. O evento acontecerá às 19h, no Campo do Esperança, em Itabirito, com show de abertura do Ministério Arca. Os ingressos estão à venda por R$ 20 reais na Paróquia de São Sebastião e na Hidrauquip – Hidráulica e equipamentos até amanhã (3). No dia do evento, os ingressos serão vendidos por R$ 25 reais.

“Teremos show de abertura com o Ministério Arca, um dos melhores ministérios da região, e também o Ministério Colo de Deus, com músicas jovens. Eu acredito que tenha mais de 60 pessoas nessa comunidade, que vive para adorar Jesus. Eles rodam o Brasil inteiro. Eles têm centenas de músicas autorais e estão revolucionando a música católica, com músicas orantes. Vale a pena participar do evento e conhecer o trabalho do Ministério”, afirmou Luquinhas, um dos líderes do Movimento EAC. “Os padres das nossas paróquias estarão presentes. Acredito que teremos cinco ou seis padres presentes” completou.

Luquinhas e Beatriz: casal lidera o Movimento EAC (acervo pessoal).

“Eu e minha esposa Beatriz, juntamente com Natália e seu marido Thiago, somos responsáveis pelo movimento EAC (Encontro de Adolescentes com Cristo).Esse movimento é novo dentro da Paróquia de São Sebastião, com um ano, um ano e meio. Fizemos o primeiro encontro ano passado e de lá pra cá estamos trabalhando com os jovens, que hoje somam 120 participantes. Primeiro fazemos o encontro e depois vem a perseverança e o movimento vem crescendo ao longo do tempo. Contamos com cerca de 70 a 80 jovens por reunião”, relatou o organizador.

“A mensagem que eu deixo é que a gente tem que preocupar muito com a questão da vida mundana, que são esses afazeres e as atrações que nós temos, sendo que muitos jovens preferem essas atrações e esquecem da vida com Jesus. Então nós, do Movimento EAC, estamos trazendo essa oportunidade para todos os jovens itabiritenses e da região, conhecer Jesus dentro da sua realidade joviana, sem perder nenhum foco fora da igreja católica. Queremos mostrar que podemos sim seguir Jesus do jeito que a gente é”, finalizou Luquinhas.

Divulgação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
×