Geral

Paralisação no transporte escolar: vereador Renê Butekus acusa secretário de Transportes pela interrupção do serviço

Clima tenso durante a última reunião da Câmara Municipal de Itabirito.

Na última segunda feira (06), durante reunião ordinária da Câmara Municipal de Itabirito, o vereador Renê Butekus (PSDB), líder da situação, mostrou seu descontentamento com o secretário Municipal de Transportes, Maurício Miranda, conhecido como “Bolão”, em relação à recente paralisação na prestação do serviço de transporte escolar municipal e intermunicipal na cidade.

Durante sua fala, Renê argumentou que, após buscar informações sobre a paralisação do transporte escolar, não obteve resposta da secretaria. De acordo com o vereador, os servidores foram proibidos de falar sobre o assunto por Bolão.

“Quando se fala em transporte escolar intermunicipal eu tenho que dar a mão à palmatória, porque da mesma maneira que eu venho aqui e acabo criticando algumas coisas, dentro da legitimidade que me permite o cargo ao qual fui eleito, já que fomos eleitos pra isso, e também, já visto várias vezes, não é de se estranhar que quando está bom a gente bate palma e quando está errado a gente tem que falar. Aconteceu sim um processo licitatório um tempo atrás. Fizeram uma licitação e essa licitação teve um término assim como todas as licitações têm”, iniciou o vereador. 

“Só que, me desculpa, porque ai eu tenho que falar mesmo, quando a gente chega, pra fazer o papel da gente como vereador, com a legitimidade e prerrogativa que a gente tem com o cargo, pra buscar informação sobre o que acontece, eu me deparo com uma notícia ‘o senhor não fale nada com ninguém pelo amor de Deus’, dentro da secretaria de Transporte”, acrescentou Renê, afirmando que os servidores foram proibidos de passar qualquer tipo de informação sobre a paralisação no transporte escolar. 

O vereador ainda acrescentou que a culpa do erro no processo de licitação é de Bolão: “o secretário não gosta de mim, o que é normal, e eu também não gosto dele. Às vezes, pela prepotência e arrogância, aconteceu o que aconteceu agora. Se fosse um povo mais humilde e simples, e entendesse que, termina um processo de licitação, inicia outro rapidamente, pra não acontecer o que aconteceu. É isso que tem que fazer…Eu não tenho medo de ameaça. O senhor secretário ameaçou acabar comigo. Não tenho medo de ameaça! E se não da conta de ocupar o cargo e não aceita críticas, da a vaga porque tem gente querendo entrar“, acrescentou.

Em entrevista ao Sou Notícia, o vereador Átila Tila do Social (PMN), disse: “realmente eu também tenho dificuldades na secretaria de Transporte e acho que falta educação, além de despreparo, na fala do secretário, que acaba humilhando várias entidades da cidade. O não bem explicado é melhor aceito do que um sim gritado”, afirmou o vereador. “Acho que, antes de fazer a fala, o vereador Renê Butekus deveria ter se reunido com os vereadores de situação para discutir uma pauta, para não desgastar o governo”, finalizou.

O Sou Notícia tentou entrar em contato com o secretário de Transporte, Maurício Miranda, o Bolão, mas as ligações não foram atendidas. O vereador Dr. Edson (PRB) também não atendeu as ligações.

Tags

Jornalismo - Sou Notícia

Entre em contato com a equipe de jornalismo do portal Sou Notícia: jornalismo@sounoticia.com.br

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale com Sou Notícia