Opinião

Política e politicagem

Pastor Anderson comenta sobre os recentes acontecimentos na cidade.

Eu quero neste momento debater um assunto com vocês. sobre o que anda acontecendo na cidade de Itabirito. Nós estamos vivendo momentos difíceis e não é mentira o que nós estamos ouvindo por aí: corrupção, desemprego, desigualdade, valores sendo trocados. Mas eu queria neste momento dizer para você a diferença entre a política e os politiqueiros; pessoas oportunistas e pessoas que são sinceras diante das dificuldades que cercam nossa população, a nossa nação, o nosso estado. Quem são os servidores? São as pessoas que varrem rua, que mantêm a cidade limpa; que trabalham na UPA, no hospital; na Câmara Municipal.; pessoas que zelam pelo patrimônio público. E do outro lado, encontramos pessoas que, as vezes, querem tirar proveito de algumas situações. Quem são essas pessoas? São pessoas que estão no Poder Legislativo, Executivo ou que já tiveram…No ditado popular, quem já esteve no banquete mamou até na teta da vaca e sugou o leite até as tripas. E aí houve mudança no governo e essas pessoas não estão mais no poder. Aí ficam do lado de fora, insatisfeitos. Outros que desejam ocupar um cargo maior na política, indo pra internet, usando os servidores.

Eu não concordei com a maneira que a Polícia Civil e outros órgãos da segurança pública entraram na cidade, fazendo com que a cidade ficasse em espanto. Pessoas foram acordadas com barulho de helicóptero. Poderia sim ter vindo uma viatura da polícia e pegado as pessoas, executando a prisão preventiva. E depois investigá-los e condenar eles se houver comprovação de crime. A lei tem que ser cumprida. Os oportunistas e politiqueiros pegam isso e fazem um terrorismo, porque eles querem ocupar o poder. Querem, a todo custo, adquirir o espaço, lançando algumas estratégias que eu repudio completamente. Estamos vendo isso e nos desagrada. Nós pagamos impostos pra que a prefeitura faça as arrecadações, e eu acho justo que todos nós possamos viver e usufruir daquilo que nós pagamos. O que me preocupa são essas pessoas que querem enganar o povo. As pessoas que querem chegar no poder, que eles cheguem com dignidade, respeito e responsabilidade, sem usar os servidores. Que não usem as mulheres que trabalham varrendo a rua e pessoas que trabalham com seriedade, fazendo política. Se tem erro, que seja corrigido. Se tem juiz, que ele condene. Se tem promotor, que ele investigue. Mas com ordem e respeito com a população, que merece a nossa atenção.

Deus abençoe a todos.

 

Pastor Anderson Martins é presidente da Assembleia de Deus Missão – Ministério Itabirito, presidente do Conselho Educativo de Evangélicos de Itabirito (Colei), presidente da Associação Projeto Resgate Comunidade Terapêutica, filiado à Convenção Geral das Assembleias de Deus do Brasil (CGADB), Capelão pela União dos Evangélicos do Brasil (UceBras). Casado, pai de quatro filhos, formado em Teologia pela Escola Bíblica Permanente Sião e comunicador. Tem sempre uma palavra de motivação e sabedoria para seus leitores e ouvintes. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
×