Geral

Cid Gomes ataca Lula e chama petistas de babacas em evento pró-Haddad: “Vocês vão perder”

Irmão de Ciro Gomes discute com militantes do PT, cobra pedido de desculpa do partido e prevê derrota.

Cid Gomes (PDT), senador eleito pelo Ceará e irmão de Ciro Gomes, discutiu com militantes do PT nesta segunda-feira (15), em evento pró-Haddad realizado em Fortaleza. Segundo Cid, o PT precisa pedir desculpa ao povo brasileiro e assumir que errou durante o tempo em que ficou na Presidência da República. O senador e ex-governador do Ceará ainda afirmou que o partido perderá a eleição de forma “merecida”.

“Tem que fazer mea culpa. Tem que pedir desculpa; ter humildade e reconhecer que fizeram muita besteira”, disse Cid Gomes, ao lado do governador eleito no Estado, Camilo Santana (PT).  Após dar sua opinião, Cid foi vaiado pelos militantes petistas que estavam no evento. Contrariado, ele apontou para um dos petistas e confrontou.

“É assim? Pois tu vai perder a eleição. Não admitir mea culpa é pra perder a eleição e é bem feito”, disse Cid. “Quem, junto com ele, acha que fez tudo certo, muito bem, pois vão perder feio. Porque fizeram besteira, aparelharam as repartições públicas, porque acharam que eram dono de um País e o Brasil não aceita ter dono.”

Os militantes começaram a gritar “Olê, olê, olê, olá. Lula, Lula”, em apoio ao ex-presidente petista Luiz Inácio Lula da Silva, que se encontra preso em Curitiba. Foi então que Cid chamou a militância de babaca. “Que Lula o quê? O Lula está preso, babaca! E vai fazer o quê? Babaca! Isso é o PT e o PT desse jeito merece perder”, finalizou.

No Twitter, a hashtag #LulaTaPresoBabaca se encontra no topo dos trending topics do Brasil na manhã desta terça-feira (16).

Veja o momento em que Cid Gomes afirmou, em evento do PT, que Haddad vai perder as eleições 2018:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
×