Geral

Avião cai na capital e mata médico que já trabalhou em Itabirito

Um médico que já trabalhou e residiu em Itabirito morreu neste sábado (13) após queda de uma aeronave de pequeno porte na Rua Minerva, no bairro Caiçara, em Belo Horizonte. A vítima foi identificada como Francisco Fabiano Gontijo, único ocupante do monomotor.

O avião pegou fogo e bateu no portão de uma residência. Testemunhas relataram que o piloto desviou de um prédio antes de cair. Com o acidente, a fiação da rede de energia elétrica foi atingida, o que deixou os moradores do entorno sem luz.

A perícia da Polícia Civil e os bombeiros foram acionados. De acordo com os bombeiros, algumas pessoas disseram que viram explosões após a queda da aeronave. O avião, um monomotor modelo francês Socata ST-10, matrícula PT-DME, foi destruído pelo fogo, sendo que as chamas e a fumaça puderam ser vistas de longe.

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou que a aeronave decolou por volta das 15h15, do Aeroporto Carlos Prates, em BH, e que o pouso seria feito no mesmo local, como conta no plano de voo.

Ainda durante a tarde de sábado, um homem foi preso na área da queda do avião por estar exaltado.

Francisco deixa quatro filhos. A equipe do Sou Notícia tentou contato com Cláudia, ex-mulher da vítima, mas não teve retorno.
Ex-mulher e filhos do médico que morreu após a queda da aeronave.
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close