Geral

Mais segurança: Hapkido Police Combat é nova ‘arma’ dos agentes da CBTU em Minas Gerais

Curso foi desenvolvido pelos Mestres em Artes Marciais, Douglas Rosendo, de Itabirito, e Douglas Simões, de Contagem; e capacitou 200 agentes em Belo Horizonte.

Cerca de 200 agentes federais ferroviários da CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos) participaram do Curso de Hapkido Police Combat, que aconteceu em Belo Horizonte entre os dias 22 de abril e 28 de maio. “O curso foi de suma importância para o desenvolvimento físico e mental dos participantes, fomos transformados quanto a atuações com uso de algemas e tonfas. No primeiro momento, confesso que não estava disposto a participar, com medo de me machucar, mas o preparo dos professores é excelente e a segurança física dos participantes foi preservada o tempo inteiro”, ressalta o agente Euler Carvalho.

Toda a metodologia do Hapkido Police Combat foi desenvolvida pelos Mestres em Artes Marciais Douglas Rosendo, proprietário da Academia Sport Defense em Itabirito; e Douglas Simões, da Big Shrak Team, de Contagem. “É um método que une técnicas de defesa policial do Brasil, incluindo do BOPE, e técnicas militares da Coréia do Sul, país onde eu pude treinar por 3 vezes, sendo que, da última, em 2017, tive acesso a técnicas militares da Marinha e do Exército coreanos. Aliado a esse conhecimento, o Mestre Douglas Simões já fez parte do Exército Brasileiro e hoje é policial militar; o que tornou o curso completo”, destaca Mestre Douglas.

O curso abordou técnicas de defesa policial, como: tonfa, algema, imobilização, condução, combate corpo a corpo, combate com faca e defesa pessoal. Além disso, os agentes ainda foram capacitados em aulas sobre Autorresponsabilidade, Liderança e Inteligência Emocional. “Esses temas jamais eram vistos em cursos deste modelo, e foi comprovado pelos praticantes os benefícios para vida pessoal e profissional”, explica o Mestre em Artes Marciais.

Para marcar e encerramento da capacitação, dia 29 foi feita uma cerimônia de entrega de certificados, emitidos pela Federação Mineira de Hapkido Interestilos, no auditório da CBTU. A ocasião reuniu todos os participantes e a diretoria da Companhia, que celebraram a oportunidade de trazer mais segurança para as ferrovias de Minas Gerais.

Para o público em geral, uma vertente do Hapkido Police Combat, o Curso ATF (Algema – Tonfa – Faca) será ministrado em Belo Horizonte, no dia 6 de julho. O pré-lançamento do curso já vendeu mais de 35 ingressos das 60 vagas disponíveis. Mais informações pelo site sympla.com.br/hapkido-police-combat__515340.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close