GeralItabiritoMarianaOpiniãoOuro Preto

“Kzullo e João da Pá lançaram candidatura?” #FakeNews

#Fake News, ela navega nas águas turvas e tortuosas da internet. Famosa por encontrar atalhos para alcançar lugares remotos e ganhar um alto volume nas redes sociais dos cidadãos comuns que inocentemente, muitas vezes, compartilham e ajudam a disseminá-las como um vírus, que se multiplica de forma descontrolada, matando reputações, prejudicando candidatos, influenciando eleições, entre outros prejuízos.

E foi isso que aconteceu com o partido político Movimento Democrático Brasileiro (MDB), nesta segunda-feira (6), de julho, em Itabirito (MG). Após ter a arte oficial de pré-candidatos maliciosamente alterada e divulgada na redes sociais.

Na arte “inusitada” é possível ver falsos pré-canditados a vereador para o município de Itabirito mas, o que chama atenção é o nome deles – Kzullo e João da Pá – o que chega a ser até engraçado. Contudo, diante do Código Penal – Artigo 287, § 1º e § 2º a ação é considerada um ato criminoso com pena – detenção, de três a seis meses, ou multa.

O MDB, se posicionou diante do ato criminoso e, emitiu uma nota oficial repudiando a ação. Além disso, o partido disse se tratar de uma pessoa mal intencionada e que o seu trabalho é de extrema seriedade com a população de Itabirito.

Veja a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO E REPÚDIO#mdbcontrafakenews

Posted by Christiane Bossanelli on Monday, July 6, 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close