Geral

Mãe deixa bebê de 2 meses em boca de fumo como garantia e perde a guarda

Pasmem. Um bebê de apenas 2 meses de vida foi resgatado após ter sido abandonado na terça-feira (8/6) em uma boca de fumo. O caso aconteceu em Pontes e Lacerda, a 487 km de Cuiabá – MT.

De acordo com informações da Polícia Civil, a mãe, uma jovem de 28 anos deixou a criança na boca de fumo como “garantia” de que retornaria para pagar a dívida com os traficantes. A mãe é usuária de drogas.

A denúncia chegou ao Conselho Tutelar através da Polícia Militar que foi até o ponto de venda de drogas, resgatou o bebê mas a mãe ainda não foi localizada até esta quarta-feira (9/6). Na boca de fumo, localizada no bairro Residencial Vera, duas mulheres que estavam com a criança, não assumiram que estavam com a criança como garantia de pagamento e alegaram que apenas estavam cuidando do bebê a pedido da mãe da criança. Todas as envolvidas possuem registros criminais por tráfico de drogas.

Segundo a delegada do caso, uma investigação foi aberta baseada no artigo 238 do ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente que proíbe atos como prometer ou efetivar a entrega de filho ou pupilo a terceiro, mediante paga ou recompensa. “Nessa situação repugnante, a mãe de um bebê o entregou em uma boca de fumo como garantia que retornaria para pagar. A criança foi, de certa forma, um pagamento pela droga adquirida. Nas investigações vamos apurar a conduta da mãe e das pessoas que receberam o bebê como pagamento”, disse a delegada.

A mãe que além de usuária há 10 anos e teve ao todo 5 filhos, perdeu a guarda de todos eles através de pedido do Ministério Público de Mato Grosso. O primeiro filho morreu aos 2 anos, o segundo e terceiro estão com pessoas que não são da família e uma quarta vive em um abrigo.

A avô do bebê, que garantia verdadeiramente os cuidados da criança sofreu problemas cardíacos e não pode dar continuidade na criação. Que Deus abençoe todas essas vidas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
×