AutomobilismoEntretenimentoEsporteStock Car Brasil

Stock Car BR vai para a Super Final em Interlagos com três pilotos brigando pelo título

Gabriel Casagrande, Daniel Serra e Thiago Camilo 'carimbaram o passaporte' neste domingo, na penúltima etapa

Após a 11ª e penúltima etapa da Stock Car Pro Series 2021, em Santa Cruz do Sul (RS), neste domingo, dia 21, apenas três pilotos permanecem com chances de título na temporada. São eles: Gabriel Casagrande, Daniel Serra e Thiago Camilo. Dos três, apenas Serra, tricampeão em 2017/18/19, já possui conquista na principal categoria do automobilismo brasileiro.

Foto Original do Site: https://www.stockproseries.com.br/classificacao#pilotos

Faltando apenas a etapa final em Interlagos, marcada para o dia 12 de dezembro, com 56 pontos máximos a ganhar, Casagrande tem larga vantagem na ponta com 336 pontos, enquanto Serra soma 311, e Camilo, 280. E graças aos grandes resultados deste domingo. Todas as pontuações já estão com os descartes dos quatro piores resultados do ano de cada piloto, conforme determina o regulamento da competição.

O líder e favorito ao título nacional, o piloto da A. Mattheis Vogel Motorsport aumentou a vantagem após terminar na 4ª e 6ª posições das corridas da 11ª etapa, ficando na frente do tricampeão nas duas oportunidades. Serra fechou a prova 1 em 5º lugar, logo atrás de Casagrande, e terminou a corrida 2 em 10º, após largar em sexto, mas não conseguir bom desempenho.

Chevrolet Cruze DANIEL SERRA. Foto:Duda Bairros

Já Thiago Camilo, que chegou a Santa Cruz do Sul ocupando o apenas sétimo posto na tabela, subiu para o terceiro lugar ajudado pelos pontos da vitória e o nono lugar nas corridas 1 e 2, respectivamente. A vitória na primeira disputa do dia foi a 36ª da carreira de Thiago Camilo, que agora soma uma vitória a menos do que o pentacampeão Cacá Bueno – o mais bem sucedido piloto em atividade na Stock Car, que nesta temporada está fora da briga pelo título.

Casagrande vai para a Super Final com 25 pontos de vantagem sobre Serra, uma dianteira que corresponde quase à metade dos 56 pontos que serão colocados em jogo em Interlagos. Se a missão de Serra é difícil, as chances de Camilo são apenas matemáticas – precisa torcer para o líder zerar nas duas provas de Interlagos, vencer ele as duas corridas e conquistar o título por ter mais vitórias na temporada que Casagrande. E, claro, ainda há o vice-líder Serra a ser batido.

Gabriel Casagrande

“É a primeira vez que eu chego na final de uma temporada na liderança da Stock Car”, disse Casagrande, de 26 anos, representante da nova geração de pilotos da categoria. “Como falei antes dessa etapa, a responsabilidade era toda dos meus adversários. Eles que venceram inúmeros títulos e corridas, e eu sou o cara que está chegando agora. Estou fazendo o que eu sei e gosto, que é correr de carro. Minha equipe me deu um carro excelente e fiz o que dava. Graças a Deus a gente conseguiu. E estamos no páreo”, completou.

Em desvantagem ainda maior na disputa após a 11ª etapa, o tricampeão não mostra desânimo e vai apostar na experiência para poder conquistar seu quarto caneco na categoria. “Estamos na briga, só termina quando acaba e tudo pode acontecer”, respondeu Serra. “Já cheguei em decisão de título com essa vantagem e nem por isso cheguei tranquilo. Então, já fiz o papel de caça e agora é minha vez de ser o caçador. Vamos virar o caçador e pegar ele na final”, projetou o vice-líder.

Estadão transmite ao vivo todas as emoções da Super Final da Stock Car em Interlagos no dia 12 de dezembro.

Confira os dez primeiro colocados da Stock Car Pro Series 2021

1) Gabriel Casagrande, 336 pontos

2) Daniel Serra, 311

3) Thiago Camilo, 280

4) Rubens Barrichello, 279

5) Ricardo Zonta, 277

6) Ricardo Maurício, 267

7) Cesar Ramos, 245

8) Allam Khodair, 239

9) Átila Abreu, 232

10) Diego Nunes, 215

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
×