América MGEsporteFutebolGeral

1ªVEZ: Noite histórica no Horto: América estreia na Libertadores diante do Guaraní

No dia 12 de janeiro de 2021, quando o América empatou com o Náutico no Estádio dos Aflitos, no Recife, e garantiu acesso à Série A do Campeonato Brasileiro, nem o americano mais otimista imaginava que uma noite como a desta quarta-feira (23) chegaria tão rápido. No Independência, o Coelho vai estrear na Copa Libertadores da América diante do Guaraní do Paraguai, às 19h15. O confonto em Belo Horizonte vale pela segunda fase da competição.

O duelo simboliza uma nova era no clube mineiro. Estruturado, com as finanças em dia e bom poder de mercado, o América se estabilizou pela primeira vez na elite do futebol nacional e também tem conversas com investidores para se transformar em clube-empresa.

O primeiro jogo será na casa da equipe alviverde, devido à pior posição do Coelho no ranking da Conmebol em comparação ao seu rival. Já a partida de volta ocorrerá em 2 de março, no estádio Defensores del Chaco, em Assunção.

Classificado para a Libertadores por ter sido o oitavo colocado do Campeonato Brasileiro de 2021, o América terá que eliminar o Guaraní e ainda passar pela terceira etapa (Barcelona-EQU ou Universitario-PER) para chegar à fase de grupos.

Momento do rival

O Guaraní foi derrotado no último compromisso antes da partida contra o Coelho. No jogo realizado no sábado passado, pela 3ª rodada do Campeonato Paraguaio, o ‘Cacique’ perdeu por 2 a 0 para o Cerro Porteño – que contou com o ex-cruzeirense Marcelo Moreno em campo no segundo tempo, no estádio Defensores del Chaco.

Comandado pelo técnico Fernando Jubero, o Guaraní ocupa a vice-lanterna do Apertura do Campeonato Paraguaio. O time aurinegro está em 11º lugar, com apenas um ponto em três partidas realizadas. Além da derrota para o Cerro, a equipe de Assunção foi superada pelo Sol de América (1 a 0) na rodada anterior e empatou sem gols diante do Guaireña, na estreia.

No entanto, o clube paraguaio tem bom retrospecto na Libertadores. O Guaraní já foi carrasco de um time brasileiro no principal torneio do continente. Em 2015, também na segunda fase do certame, ‘O Aborígene’ eliminou o Corinthians em plena Neo Química Arena, em São Paulo. Naquela mesma temporada, o time paraguaio foi semifinalista.

es. A equipe foi semifinalista em duas edições (1966 e 2015).

Sob o comando do técnico espanhol Fernando Jubero, de 47 anos, o Guaraní se classificou à Libertadores de 2022 a partir da campanha no Campeonato Paraguaio  – ficou em 3° lugar, com 17 vitórias, dez empates e nove derrotas.

Quanto vale o avanço?

Na segunda fase da Copa Libertadores, as equipes recebem US$ 500 mil por jogo como mandante – aproximadamente R$ 2,5 milhões na cotação atual.

Se avançar à terceira fase, o Coelho garantirá outros US$ 550 mil pelo novo jogo no Independência, em Belo Horizonte. A quantia equivale a aproximadamente R$ 2,7 milhões.

Em caso de sucesso e participação na fase de grupos da Libertadores, a ‘bolada’ fica ainda mais expressiva. Nessa etapa da competição, cada time garante US$ 1 milhão em cada compromisso como mandante – cerca de R$ 5 milhões. Como serão três jogos em casa, o total é de R$ 15 milhões.

Sendo assim, se o América seguir fazendo história e alcançar a fase de grupos do torneio, garantirá, com base na cotação atual, algo em torno de R$ 20,2 milhões.

Baixa e formação

O zagueiro Germán Conti será desfalque do América na estreia da Copa Libertadores. O argentino foi expulso na última partida do Bahia na Sul-Americana de 2021, e por isso cumprirá a suspensão apenas neste ano.

O defensor de 27 anos levou o cartão vermelho na derrota por 4 a 2 para o Torque, do Uruguai, em maio de 2021, na Arena Fonte Nova, em Salvador. O jogo marcou a eliminação do Tricolor de Aço na fase de grupos da competição continental.
O regulamento disciplinar da Conmebol prevê que, caso tenha sido a última partida da equipe no torneio, o atleta leva a punição mínima de um jogo para o ano seguinte. No caso, ambas as competições são promovidas pela entidade.

Sendo assim, a principal dúvida na formação do América está no ataque. Na ponta-direita, os recém-chegados Everaldo e Matheusinho disputam a vaga.

FICHA TÉCNICA

América
Jori; Patric, Iago Maidana, Éder e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Alê; Everaldo (Matheusinho), Felipe Azevedo e Wellington Paulista.

Técnico: Marquinhos Santos

Guaraní-PAR
Devis Vásquez; Rodi Ferreira, Marcos Cáceres, Roberto Fernández e Guillermo Benitez; Rodrigo Fernández, Jorge Mendoza, Marcelo Gonzalez e Josué Colmán (Alberto Contrera); Jose Ariel Nuñez (Alejandro Samudio) e Fernando Fernández.

Técnico: Fernando Jubero

Motivo: jogo de ida da 2ª fase da Copa Libertadores da América

Data e horário: quarta-feira, 23 de fevereiro de 2022, às 19h15
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte
Transmissão: Conmebol TV (TV fechada)

Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)

 

mg.supersportes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
×