GeralItabirito

IFMG reforça contratação de tradutores e intérpretes da língua de sinais

O IFMG se prepara para contratar funcionários especializados no atendimento a pessoas com deficiências (PcDs) regularmente matriculadas nos cursos técnicos e de graduação em todas as suas unidades.

Por meio da ação, cada campus passará a contar com um profissional na função de Atendimento Educacional Especializado (AEE). O representante será o articulador e a referência de inclusão na unidade, com foco, principalmente, nas revisões e adequações dos PPCs dos cursos, na construção de processos de acessibilidade e flexibilização curricular, na promoção de orientações e capacitações internas, além de trabalhar em rede com os demais profissionais dos campi.

Além disso, serão contratados tradutores e intérpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras) nos campi Congonhas, Itabirito, Ponte Nova e Ribeirão das Neves, os quais estarão diretamente atrelados aos estudantes surdos matriculados. Nesses locais, a demanda surgiu em decorrência da não existência de profissional efetivo ou de quantitativo insuficiente.

Para o diretor de Assuntos Estudantis do IFMG, Paulo Lourenço, “será de extrema importância que as ações desses profissionais aconteçam de forma articulada com os programas de apoio e permanência previstos na Política de Assistência Estudantil do IFMG”, reforça. Ele destaca, ainda, que “considerar que a inclusão deva ser acesso a todas as pessoas perpassa, também, garantir o acesso aos bens materiais que se relacionem à sua permanência numa instituição de educação”, finaliza.

Segundo o pró-reitor de Ensino, Carlos Henrique Bento, o compromisso na efetivação do atendimento educacional para pessoas com deficiência, transtornos globais de desenvolvimento, altas habilidades ou superdotação “deve ser um aspecto primordial para que se possa garantir o pleno desenvolvimento dos sujeitos”, esclarece.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
×